Jovem, grávida de três meses relata ter sido estuprada e sobrinho acaba preso em Patos de Minas

Uma jovem de 21 anos teria sido vítima de estupro na noite desta quinta-feira (22) em Patos de Minas. Ela estaria em casa quando o sobrinho de seu marido chegou e alegou ter uma mensagem do esposo para ela. Sem perceber nenhum tipo de malícia, a jovem que está grávida de três meses, abriu o portão. O suspeito a empurrou contra a parede e consumou o ato. Uma vizinha foi quem acionou a PM que, por sua vez, encontrou e prendeu o suspeito o encaminhado para a delegacia.

O fato aconteceu por volta de 19h10 no bairro Jardim Aquarius. De acordo com a Assessoria de Comunicação da Polícia Militar, uma guarnição foi acionada para atender a uma ocorrência de estupro no bairro. Ao chegarem ao local, os militares se depararam com uma jovem de 21 anos e ela relatou detalhes do abuso sexual. Segundo ela, em conversa com os policiais, o sobrinho de seu marido chegou em sua casa e bateu no portão dizendo que teria um recado do esposo para ela.

Ela ainda relatou que o marido está trabalhando em uma cidade vizinha e que, recentemente, teve o telefone furtado, por isso acreditou que ele poderia realmente ter mandado algum recado pelo sobrinho. Ainda segundo a vítima, ela abriu o portão e o rapaz de 20 anos foi convidado a entrar. A Ascom da PM relatou ainda que a vítima disse aos militares que foi trocar as fraldas de uma criança de dois anos e quando voltou para a sala, o suspeito a segurou pelos braços e a jogou na parede. Posteriormente, ele a jogou em uma cama de casal que fica na sala e consumou o ato.

A vítima relatou que ficou em estado de choque e sem condições de reagir e que posteriormente pediu a vizinha para acionar a Polícia Militar. Diante da versão da vítima, os policiais iniciaram rastreamentos e conseguiram localizar o suspeito de 20 anos na casa da mãe dele. Em um primeiro momento, o rapaz negou os fatos e disse aos militares que não esteve na residência. Inclusive mandou um áudio para o tio negado toda a situação. Posteriormente o rapaz modificou sua versão e confirmou a prática do sexo, mas reafirmou que tudo aconteceu de forma consensual. Diante dos fatos, o rapaz de 21 anos foi preso e encaminhado para a delegacia. A jovem foi levada para o Hospital Regional onde recebeu atendimento médico.

Fonte: Patos Hoje

COMPARTILHAR