Um homem de 32 anos foi detido no final da tarde desta quinta-feira (23/09) em Lagoa Formosa, após atirar contra a própria perna com uma arma de fogo que ele mantinha em sua residência de forma ilegal. O caso ocorreu quando a Polícia Militar foi acionada para registrar uma ocorrência de “tentativa” de homicídio, mas chegando ao local em conversa com o ferido ele acabou confessando que estava mentindo.

De acordo com a PM, inicialmente o autor disse que tinha sido vítima de disparo de arma de fogo. Ele falou que estava em uma padaria, quando passou um indivíduo em uma motocicleta e atirado em sua direção. Desconfiados, os policiais pediram a mãe do suspeito para entrar na residência. Com a permissão, dentro do imóvel, os militares encontraram escondido nos fundos da casa um revolver marca Taurus calibre 32.

Em seguida, o homem que estava com um ferimento na coxa direita disse para a polícia que estava manuseando a arma quando ocorreu o disparo que o atingiu. Sobre o revolver ele contou que comprou na cidade de Patos de Minas pelo valor de R$2.700,00. E.J.A.C foi foi socorrido e levado por uma ambulância da prefeitura municipal até o Hospital Municipal “Dr. Bininho” para receber atendimento médico.

O autor foi preso por posse ilegal de arma de fogo, mas devido ao seu estado de saúde ficou internado no HMDB aguardando vaga para ser transferido para HRAD onde deverá passar por cirurgia. A arma foi apreendida e entregue na Delegacia de Polícia Civil. 

Matéria Vanderlei Gontijo/Toninho Cury