Desentendimento entre vizinhos termina em disparos, pedradas e ameaça com foice

A Polícia Militar foi acionada na tarde desta sexta-feira (27) para intervir em um desentendimento entre vizinhos na comunidade de Colônia Agrícola. Houve pedradas, ameaças com foice e disparos de arma de fogo.

De acordo com o Sargento Cruz e Sargento Wilson, nesta sexta o senhor de 52 anos apedrejou e ameaçou o senhor de 72 anos. Para cessar as agressões, o aposentado chegou a disparar duas vezes para o alto.

Os policiais apreenderam a garrucha calibre .22 com duas munições intactas e duas deflagradas dentro do imóvel do aposentado. Com o vizinho, foi apreendida a foice que teria sido usada nas ameaças.

As pedras arremessadas contra o aposentado também foram levadas para a delegacia. Segundo os policiais, o aposentado foi atingido no rosto, dedo e no ombro. Os dois foram levados para a delegacia para serem ouvidos pela autoridade Polícia.

Na delegacia, os dois continuaram se desentendendo. O aposentado disse que atirou apenas para o alto enquanto o desafeto disse que os tiros foram em sua direção. Ele continuou dizendo que não ameaçou e nem jogou pedras no aposentado.

Os policiais conversaram com eles e os orientaram a viverem em harmonia. Eles disseram que o desentendimento começou há cerca de 6 anos e as provocações são frequentes. Por pouco, as desavenças não terminaram em tragédia.

Fonte: Patos Hoje

LEIA TAMBÉM