PC apresenta acusados de roubos de carros que foram presos após trocar tiros com investigadores

A Polícia Civil apresentou na manhã desta sexta-feira (10) o resultado da operação que teve perseguição e troca de tiros na BR 365. Quatro homens suspeitos de formarem uma quadrilha de roubos e desmanches de carros foram presos e diversos equipamentos usados nos crimes, revólver, munições e veículos foram apreendidos.

Segundo o delegado Érico Rodovalho, os investigadores da Polícia Civil já estavam trabalhando para prender os assaltantes, que estariam agindo na região, quando depararam com os três homens na BR 365. Os policiais viram quando os suspeitos apontaram uma arma de fogo para uma pessoa que estava transitando pela via. Os investigadores evitaram o assalto e tentaram abordar os suspeitos que fugiram em alta velocidade.

Já próximo a Patos de Minas, os criminosos reduziram a velocidade e atiraram contra os investigadores. Os policiais revidaram e acertaram os pneus do carro ondem estavam os três autores. Eles ainda tentaram fugir, mas acabaram batendo no barranco e rodando na pista. Diego Amaro Bispo dos Santos, de 18 anos e Diego Silva Serrão, de 23 anos, foram presos na hora. Paulo Júnior Ferreira da Silva, de 27 anos, correu para o meio do mato com uma arma na mão, mas foi preso quando chegava em casa no bairro Planalto em Patos de Minas.

Os investigadores também prenderam Marcos Antônio Barbosa, de 32 anos, que seria o receptador dos veículos roubados pelos autores. Na propriedade de Marcos, na localidade de Aragão, os policiais encontraram peças e o motor de uma pick up e um bloqueador de sinal de rastreador. A caminhonete dele também foi apreendida. No veículo que os autores estavam, os policiais encontraram um revólver, dois bloqueadores de sinal de rastreadores e várias ferramentas.

Diego Amaro é da cidade de Patrocínio. Diego Serrão é de Manaus e estava morando na região. Já Paulo Júnior é de Pernambuco e estava morando em Patos de Minas há apenas três meses. Os autores não têm passagens pela polícia, mas segundo o delegado Érico Rodovalho, eles são apontados como autores de diversos assaltos na região. Os carros que eles roubavam eram levados para a propriedade de Marcos e desmanchados. Ele nega.

Além dos roubos, Diego Serrão, Diego Amaro e Paulo Júnior serão indiciados por tentativa de homicídio, tendo em vista que um dos policiais foi atingido de raspão por um disparo, e também por formação de quadrilha. Marcos vai responder por receptação e formação de quadrilha.

Fonte: Patos Hoje

COMPARTILHAR
Jornalista e radialista, natural de Presidente Olegário. Idealizador e responsável pelo portal PO Notícias. Redator e apresentador dos programas Jornal da Eldorado e show da tarde na Rádio Eldorado FM 87,9.