Mulher procura por mãe que não vê há mais de 50 anos

Uma mulher está em busca de sua mãe biológica que não vê há várias décadas. A história dela é triste, quando foi abandonada pela mãe tinha apenas dois anos de idade. Maria Laura de Jesus, hoje com 54 anos, reside atualmente no município de São Gonçalo do Abaeté, com marido, tem três filhos e dois netos.

Depois de 50 anos e após vê uma matéria publicada no portal PO Notícias, onde um homem que reside no estado do Rio de Janeiro conseguiu encontrar seus irmãos, ela tomou coragem e resolveu pedir ajuda. “Quando entrei no portal e vi a matéria e, poucas horas depois os familiares desse homem foram encontrados, resolvi entrar em contato e contar a minha história, meu sonho de encontrar e conhecer a minha mãe” disse Maria Laura.

Maria dias da Silva, no garimpo

Ela disse que o pai João Simão da Silva “João Chico”, hoje já falecido, era garimpeiro e morava com ela e sua mãe Maria dias da Silva, as margens do Rio Abaeté, no município de Três Marias. Quando ela tinha apenas dois anos de idade, dona Maria abandonou a família e se mudou para São Pedro da Ponte Firme, no município de Presidente Olegário.

“Não tenho lembranças de minha mãe, meu pai disse que ela se mudou para São Pedro da Ponte Firme, no município de Presidente Olegário. Depois que ela foi embora nunca mais tive contato com ela e, meu pai não falava nada sobre minha mãe e nem o motivo da separação. Algum tempo depois ele arrumou outra mulher, mas não teve filhos.”, disse Maria Laura.

Ela disse para nossa reportagem que sua mãe se chama Maria dias da Silva, filha de Maria Josina de Jesus e Isordino José Dias.” Quando minha mãe foi embora, morávamos na fazenda do senhor Ciro Vasconcelos. Meu pai é da família dos Galvão, no município de Lagoa Grande. Sei que ela morou em Ponte Firme e tinha um irmão de apelido “Chico”, é só o que sei sobre ela” disse.

Maria Laura alimenta, há décadas, o desejo de conhecer a mãe, ou qualquer irmão ou parente do lado da mãe que possa ter. “Meu sonho é conhecer minha mãe. Ficar na vida sem conhecer a mãe, um irmão, tios ou primos não é bom. Eu não tenho irmãos por parte de pai, mas quem sabe possa ter por lado de minha mãe”, revelou.

Quem tiver informações sobre a mãe de Maria Laura, dona Maria dias da Silva, ou de algum filho(a) ou parentes dela, podem entrar em contato com Maria Laura pelo telefone (38) 99134-0063.

COMPARTILHAR