Motorista alcoolizado acerta em cheio viatura da Polícia Militar na BR 365 e acaba preso

Uma viatura da Polícia Militar foi atingida violentamente por uma caminhonete enquanto fazia patrulhamento na zona rural de Patos de Minas. O veículo oficial chegou a capotar. Os dois militares que trabalhavam na viatura sofreram ferimentos leves. O condutor da caminhonete estava alcoolizado e acabou sendo levado para a Delegacia da Polícia Civil.

O acidente aconteceu na BR 365, a pouco mais de dois quilômetros da balança do DNIT na comunidade do Leal. A viatura seguia sentido Patos de Minas quando foi atingida na traseira pela caminhonete. O impacto foi tão forte que a viatura saiu da pista, bateu em uma árvore e parou tombada. A caminhonete também saiu da pista.

O condutor da caminhonete, José Márcio Mesquita, de 53 anos, concordou em soprar o etilômetro. O teste constatou que ele estava com 0,98 mg/L de álcool no organismo. Segundo a PRF, o limite tolerado, com margem de erro, é 0,1 mg/L. Acima desse valor o motorista sofre instauração de processo administrativo para a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação por 12 meses, além de multa no valor de R$ 2.934,70.

Dirigir com teor alcoólico acima de 0,3 mg/L é considerado crime. Em razão da quantidade de álcool encontrada no organismo de José Marcio, foi lavrada a multa, sua CNH foi apreendida, seu veículo encaminhado para o pátio e a ele foi dada voz de prisão, tendo sido encaminhado para a Polícia Civil de Patos de Minas.

O policial que conduzia a viatura também passou pelo etilômetro e o resultado do teste foi 0,0 mg/L. Ele e o militar que estava como passageiro tiveram apenas ferimentos leves. O condutor da caminhonete também sofreu apenas ferimentos leves. Como se trata de acidente com veículo oficial, a perícia compareceu ao local.

Fonte: Patos Hoje

COMPARTILHAR