Motociclista que bateu em caminhão na LMG-740 não resiste e morre no Hospital

O motociclista Fábalo Ramon da Silva, de 30 anos, não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo no Hospital Imaculada Conceição na madrugada desta sexta-feira (08/02), em Patos de Minas. Ele havia sido socorrido em estado grave após bater em um caminhão no Km 20 da LMG-740, próximo a cidade de Lagoa Grande.

Um grave acidente foi registrado pela Polícia Rodoviária na noite da última sexta-feira (01) próximo a Lagoa Grande. Um motociclista ficou em estado grave após se chocar contra um caminhão que convergia em uma propriedade rural. Ele foi encaminhado por terceiros até o hospital municipal da cidade e posteriormente transferido para Patos de Minas com traumatismo craniano.

O grave acidente aconteceu no início da noite da última sexta-feira (01). O condutor do caminhão disse que seguia pela rodovia, quando foi atingido pela motocicleta. Fábalo Ranom que conduzia a motocicleta e não conseguiu parar e bateu na traseira do caminhão. Com o impacto, o motociclista sofreu traumatismo craniano encefálico, fratura na clavícula, um corte profundo no couro cabeludo e várias escoriações pelo corpo principalmente no tórax.

Ele foi socorrido para o Hospital Municipal de Lagoa Grande e posteriormente transferido para o Hospital Imaculada Conceição, em Patos de Minas. No entanto, após 7 dias internado, ele acabou falecendo. O corpo dele foi encaminhado para o Instituto Médico Legal para ser constatada a causa da morte.

O corpo já está sendo velado na Funerária Bom Pastor da Avenida Santos Dumont, 937. O sepultamento está marcado para acontecer às 16h40 desta sexta-feira (08) no Cemitério Municipal de Lagoa Grande.

COMPARTILHAR
Gonçalves Advogacia